revista-coaching-brasil-logo-1 icon-bloqueado icon-busca icon-edicoes icon-login arrow-down-sign-to-navigate

Edição #58 - Março 2018

Localize rapidamente o conteúdo desejado

Editorial

Caro leitor,

fevereiro foi um mês marcado pelo episódio do Coaching na novela da Globo. Parece ter sido uma gota d´água nos abusos e oportunismos que rondam a palavra Coaching. O número de manifestações foi enorme, inclusive de pessoas que raramente se manifestam.

Ao convidar Káritas Ribas para coordenar um dossiê, ela manifestou com grande energia a vontade de abordar a questão da RESPONSABILIDADE, com o que somos, com o que pensamos, com o que fazemos, e da necessidade do despertar da consciência para a consequência de nossos atos.

Ela reuniu um grupo ímpar de pessoas que, com incrível conexão com a essência da Revista Coaching Brasi,l nos brindam com textos muito profundos, questionadores, reflexivos, que nos remetem a revisitar a essência de quem somos, ou quem pensamos que somos, a que viemos, ou em que etapa de construção estamos, como contribuímos, conosco, com o planeta, com a humanidade, com nossos coachees.

A Responsabilidade está intimamente ligada ao processo de Coaching em todos os aspectos em que possamos pensar. Por parte do coach, responsabilidade pela sua preparação, pela consciência de seus modelos, crenças, por ver no coachee um ser de infinitas possibilidades que não está ali para ser ajudado ou consertado, mas para expandir, ganhar consciência, aprender a aprender, tomar posse de si, ser tudo o que possa e dê conta de ser neste momento. Por parte do coachee, o desafio de confiar, de se entregar, de fazer do processo um mergulho profundo e inspirador, e de agir, identificar amarras, bloqueios e superá-los.

Selecionei inúmeros trechos dos artigos para citar neste editorial, mas seria injusto para/com cada autor, pois seriam como uma pequena foto de uma linda paisagem que se contempla, que não abrange e conecta com a riqueza e beleza do momento único vivido. Assim, reserve um tempo de qualidade para se deliciar com os textos que seguem nesta edição mais do que especial.  

Tenha uma excelente leitura.

Luciano Lannes
Editor

Artigo publicado em 13/03/2018
Gostou deste artigo? Confira estes da mesma coluna:

Editorial - Ed. 80

Caros leitores, Esta edição de janeiro traz uma pequena mostra do que foi o “CONVERGE 2019”, evento promovido pela ICF e desta vez realizado em Praga entre 23 e 26 de outubro de 2019. Uma delegação brasileira composta por 17 membros da ICF Brasil esteve presente ao evento, sendo que Ana Pliopas, que muito já contribuiu em nossas páginas, apresentou um trabalho no evento. ... leia mais

3 minutos

Editorial - Ed. 79

Caros leitores, Ahhh o Universo Sistêmico. Quem diria que iria chegar no mundo organizacional. Se chegou é sinal que foi validado por resultados. O mundo organizacional não é fã de aventuras ou ligado em excentricidades, ou teorias ou metodologias que não se possa pegar, apalpar, cheirar e obter dados para colocar na planilha. Convidei Claudia Miranda Gonçalves para a... leia mais

3 minutos

Editorial - Ed. 78

Caros leitores, Conflitos, ahhh os conflitos. São tantos, de tantas cores, nuances, tamanhos e intensidades. Como despertam emoções, como por vezes nos tiram do eixo, turvam a visão, a racionalidade, bloqueiam a audição, intensificam posições, cristalizam crenças. Aprender a lidar com eles é a disciplina de uma vida. Pelo menos para mim foi e é assim. Comecei neste caminho há... leia mais

3 minutos

Editorial - Ed. 77

Caros leitores, LIBERTADOR....... esta foi minha sensação pessoal ao conhecer o Slow Marketing. Trabalhando com consultoria há 20 anos e com a Revista Coaching Brasil há 6 anos, conheço muito bem os desafios de trabalhar a exposição de um produto ou serviço, e os conflitos éticos que nos assolam quando somos instados a implantar as fórmulas mágicas do Marketing Digital, que... leia mais

4 minutos

Editorial - Ed. 76

Caros leitores, A cada edição avançamos em descobrir pessoas, metodologias e abordagens encantadoras, instigantes, simples e muito funcionais para complementar nossa atuação como coaches ou mentores. É sempre bom lembrar, que não cabe a nenhuma das metodologias aqui apresentadas, o simples uso utilitarista como técnica ou ferramenta, mas cada uma delas passa por um “ecoar na... leia mais

3 minutos
O melhor conteúdo sobre Coaching em língua Portuguesa
a um clique do seu cerébro
Seja Premium