revista-coaching-brasil-logo-1 icon-bloqueado icon-busca icon-edicoes icon-login arrow-down-sign-to-navigate

Busca

Encontrei 74 resultados.

Se quiser crescer, abrace suas vulnerabilidades

“Estou convencido das minhas próprias limitações – e esta convicção é minha força”. - Gandhi  Diante de uma plateia atenta, com um público formado predominantemente por executivos, o ilustre orador recebe a primeira pergunta previamente selecionada. Pensa alguns segundos sobre ela e quando decide falar, solta um desconcertante:  “I don’t know”. Lembro-me... leia mais

11 minutos

Foco, Presença e Atenção: o segredo do sucesso

“Ali, onde você coloca sua atenção, você cria a realidade.”Willian James  Angustiado, um aprendiz procura seu mestre para se aconselhar. Afirma estar insatisfeito com sua vida, com sua exces­siva agitação interna, sentindo-se muitas vezes sem rumo. Diz ao mestre: “- Eu gos­taria de ser como o senhor, meu querido mestre”. Então, o mestre, com sua pecu­liar simplicidade,... leia mais

12 minutos

Equanimidade: estado de Ser para lidar com ganhos e perdas

“Reaja inteligentemente mesmo a um tratamento não inteligente.”Lao Tsé Na vida, o tempo todo, lidamos com ganhos e perdas e naturalmente, adoramos ganhar e não gostamos nem um pouco de perder. Diante de acontecimentos como a conquista de um novo trabalho, uma promoção, um novo cliente, o nascimento de um filho ou uma nova relação amorosa, temos reações e sentimentos de alegria,... leia mais

13 minutos

Gestão da energia para potencializar a performance

Jim Loehr e Tony Schwartz, dois pes­quisadores norte-americanos, fun­damentaram um programa de trei­namento de base científica, realiza­do pioneiramente junto a atletas de alto rendimento. Eles conseguiram identificar padrões que diferencia­vam atletas que chegavam com mais frequência a resultados extraordi­nários de outros que chegavam oca­sionalmente e descobriram que o diferencial... leia mais

12 minutos

A importância do cultivo emocional

Estava eu realizando uma cole­ta de sangue para um exame de rotina, quando me deparei com uma cena tragicômica. No box ao lado, um garoto que aparen­tava uns 12 anos de idade era firmemente segurado na cadei­ra por sua mãe, com mais duas enfermeiras mantendo seu braço esticado enquanto uma terceira tentava coletar seu sangue. Dali a pouco, ouvi seus gritos desesperados, seguidos de um tenso... leia mais

11 minutos