revista-coaching-brasil-logo-1 icon-bloqueado icon-busca icon-edicoes icon-login arrow-down-sign-to-navigate

Edição #44 - Janeiro 2017

Localize rapidamente o conteúdo desejado

Editorial - Ed. 44

Caro leitor,

a utilização do Coaching Interno dentro das organizações tem tido significativa ampliação, embora não existam ainda estatísticas fidedignas. Se algumas empresas a têm buscado pela simples vantagem da redução de custo, por utilizar um colaborador interno, outras já possuem a consciência sobre quando um coach interno pode dar conta de qual recado.

Da mesma forma como existem diferenças na utilização de um consultor interno ou externo para ministrar um treinamento, com o Coaching esta diferença também precisa ser compreendida. No treinamento, um consultor interno com excelente didática, relacionamento e empatia, pode trazer excelentes resultados em processos de treinamentos, especialmente técnicos. Quanto a treinamentos comportamentais, este precisará desfrutar de uma imagem impoluta e desfrutar de altíssimo nível de respeito pessoal e profissional dentro da empresa. No Coaching, precisamos destas mesmas características presentes no coach interno, e mais um pouco, pois este realizará contratos de confidencialidade com cada coachee.

É amplamente recomendado que o Coaching interno seja utilizado até o nível de média gerência, e que acima deste nível utilize-se apenas coaches externos.

O profissional da organização a realizar o papel de coach interno, além de ter passado por uma formação adequada na área, precisa pactuar com a área de Recursos Humanos ou correlata, os acordos de confidencialidade, extensão de poder e código de ética em relação a cada processo. Precisa estar claro que a organização não terá acesso a informações privilegiadas obtidas pelo coach durante o processo, e que este não repassará qualquer dado obtido em conversas com seus coachees. Confiança é a base de qualquer processo de Coaching, seja interno ou externo.

Convidamos Yara Leal para coordenar o dossiê sobre Coaching Interno e ela o fez com maestria. Selecionou a dedo cada uma das seis autoras. Estes textos serão preciosos especialmente para organizações que estão investindo no Coaching como elemento potencializador de crescimento e desempenho.

Tenha uma excelente leitura.

Luciano Lannes
Editor

Artigo publicado em 04/10/2017
Gostou deste artigo? Confira estes da mesma coluna:

Editorial - Ed. 80

Caros leitores, Esta edição de janeiro traz uma pequena mostra do que foi o “CONVERGE 2019”, evento promovido pela ICF e desta vez realizado em Praga entre 23 e 26 de outubro de 2019. Uma delegação brasileira composta por 17 membros da ICF Brasil esteve presente ao evento, sendo que Ana Pliopas, que muito já contribuiu em nossas páginas, apresentou um trabalho no evento. ... leia mais

3 minutos

Editorial - Ed. 79

Caros leitores, Ahhh o Universo Sistêmico. Quem diria que iria chegar no mundo organizacional. Se chegou é sinal que foi validado por resultados. O mundo organizacional não é fã de aventuras ou ligado em excentricidades, ou teorias ou metodologias que não se possa pegar, apalpar, cheirar e obter dados para colocar na planilha. Convidei Claudia Miranda Gonçalves para a... leia mais

3 minutos

Editorial - Ed. 78

Caros leitores, Conflitos, ahhh os conflitos. São tantos, de tantas cores, nuances, tamanhos e intensidades. Como despertam emoções, como por vezes nos tiram do eixo, turvam a visão, a racionalidade, bloqueiam a audição, intensificam posições, cristalizam crenças. Aprender a lidar com eles é a disciplina de uma vida. Pelo menos para mim foi e é assim. Comecei neste caminho há... leia mais

3 minutos

Editorial - Ed. 77

Caros leitores, LIBERTADOR....... esta foi minha sensação pessoal ao conhecer o Slow Marketing. Trabalhando com consultoria há 20 anos e com a Revista Coaching Brasil há 6 anos, conheço muito bem os desafios de trabalhar a exposição de um produto ou serviço, e os conflitos éticos que nos assolam quando somos instados a implantar as fórmulas mágicas do Marketing Digital, que... leia mais

4 minutos

Editorial - Ed. 76

Caros leitores, A cada edição avançamos em descobrir pessoas, metodologias e abordagens encantadoras, instigantes, simples e muito funcionais para complementar nossa atuação como coaches ou mentores. É sempre bom lembrar, que não cabe a nenhuma das metodologias aqui apresentadas, o simples uso utilitarista como técnica ou ferramenta, mas cada uma delas passa por um “ecoar na... leia mais

3 minutos
O melhor conteúdo sobre Coaching em língua Portuguesa
a um clique do seu cerébro
Seja Premium