revista-coaching-brasil-logo-1 icon-bloqueado icon-busca icon-edicoes icon-login arrow-down-sign-to-navigate

Edição #5 - Outubro 2013

Localize rapidamente o conteúdo desejado

Coaching de Equipe

“Confiança é essencial para uma equipe funcional e coesa.
Sem ela, o trabalho em equipe é impossível”
Patrick Lencioni (2002), p.195


Introdução

Acredita-se que o trabalho em equipe nos torna mais criati­vos e produtivos e muitas pessoas em posição de liderança pressupõem que a melhor forma de alcançar resultados é através de equipes.

Autores como J. Richard Hackman e Ruth Wageman (2005) não concordam inteiramente com este pressuposto. Como afirma o primeiro, “quando você tem uma equipe, existe a pos­sibilidade desta gerar milagres ao produzir algo extraordinário, uma criação coletiva de qualida­de ou beleza jamais imaginada. No entanto, várias pesquisas indicam que as equipes tendem ao sub-desempenho, apesar dos recursos extraordinários de que dispõem. Em geral, são dificul­dades de coordenação e moti­vação que subutilizam as vanta­gens da colaboração”.

O que é Coaching de Equipe?

Antes de respondermos a ques­tão acima, convém conceituar o que entendemos por equipe. Para tanto, adotamos a definição clássi­ca de Katzenbach e Smith (1999), segundo a qual “Uma equipe é um número limitado de pessoas com habilidades complementares, comprometidas com um propósito comum, com um conjunto de me­tas de desempenho e uma abor­dagem pelas quais se consideram mutuamente responsáveis”.

Definições de Coaching de Equipe

Para Dunlop (2005, p.24), para­fraseando Whitmore, Coaching de Equipe é “desencadear o po­tencial de uma equipe para ma­ximizar o seu próprio desempe­nho. É mais ajudá-la a aprender do que ensinar”.

Para Hackman e Wageman, “Co­aching de Equipe é a interação direta com uma equipe com a finalidade de assistir seus mem­bros no uso, de forma coordena­da e adequada, de seus recursos coletivos na realização do seu trabalho”. (2005, p.269).

Definimos Coaching de Equipe como “um processo de desen­volvimento de uma equipe que atua num determinado contex­to organizacional, com a finali­dade de maximizar seu desem­penho e sua capacidade de ge­rar resultados conjuntos, gerir sua aprendizagem, crescimento e contínua transformação como pessoas, membros de uma equi­pe e de uma organização”.

Trata-se de um conceito que su­porta/apóia uma intervenção que, ao ser adequadamente facilitada, apresenta um potencial estraté­gico de gerar resultados tangíveis e intangíveis, cujo impacto poderá ser acompanhado tanto do ponto de vista individual, quanto grupal e organizacional.

Para ler este artigo completo...
Faça login ou conheça as vantagens de ser premium.
Faça seu login Veja as vantagens de ser Premium
Gostou deste artigo? Confira estes da mesma coluna:

Saúde na sua plenitude

O que é ter uma vida com saúde plena? Será apenas a ausência de sintomas e doenças? Talvez quando tivermos alcançado a tríade físico – mente – espírito de maneira equilibrada poderemos dizer que estamos vivendo a vida, não apenas sobrevivendo. A saúde na sua plenitude pode ser uma utopia. Essa busca é constante e não existe um fim na nossa jornada neste plano. O equilíbrio... leia mais

13 minutos

As diferenças culturais: entre belo sonho e pesadelo

França, Alemanha, Itália, Bulgária, Argentina, Holanda, Roménia, Brasil.  Foram as palavras que encerraram a reunião de criação da capa desta edição da revista. São os países de onde os autores do dossiê estavam a falar. A nossa reunião acaba e fico num estado de graça. O nosso grupo é o símbolo, a ilustração perfeita das diferenças culturais. Um exemplo de como... leia mais

13 minutos

Vamos falar em Segurança Psicológica nas Organizações?

Você já deve ter ouvido por aí sobre o conceito de segurança psicológica. Se ainda não ouviu, está na hora! A não ser que a sua organização não esteja precisando inovar, crescer em um contexto de incertezas constantes ou engajar colaboradores, então esse artigo não é pra você. Mas, se você quer saber como conectar as pessoas com o futuro, tomar decisões mais inteligentes... leia mais

10 minutos

Nossos traumas podem nos levar de volta a quem realmente somos

Trauma Talvez não soe como um assunto para a edição de feliz ano novo, por carregar um estigma de algo ruim, pesado, doloroso. Mas foi tão impactante aprender sobre esse assunto nos últimos tempos, que quero compartilhar o que venho descobrindo sobre trauma coletivo, individual e como isso pode impactar nossos processos de coaching e interação com todos os seres humanos, principalmente no... leia mais

13 minutos

Feliz Ano Novo? Não tenha esperanças

Como alguém que aprecia uma boa aventura, sempre que penso em Ano Novo, imagino uma viagem para um lugar inédito. Ao mesmo tempo em que meu íntimo é inundado pelo entusiasmo e excitação de logo colocar o pé na estrada, meu senso de responsabilidade me deixa alerta em relação a preparação, procedimentos de segurança e o planejamento. Em toda viagem, seja ela curta ou longa, precisamos... leia mais

11 minutos
O melhor conteúdo sobre Coaching em língua Portuguesa
a um clique do seu cerébro
Seja Premium