revista-coaching-brasil-logo-1 icon-bloqueado icon-busca icon-edicoes icon-login arrow-down-sign-to-navigate

Edição #93 - Fevereiro 2021

Localize rapidamente o conteúdo desejado

Coerência Ontológica: competência-base do ser Coach

No Brasil, cresce o debate acerca da atividade de Coaching profissional. Rigor ético, competência e efetividade são alguns dos pontos que vêm recebendo destaque em diferentes âmbitos. Nesse cenário, explicitar um modelo de competências balizadoras e reconhecidas na comunidade internacional de Coaching Ontológico vai muito além do estímulo à evolução com vistas à excelência da prática. Ao fazê-lo, contribuímos para que o Coaching Ontológico, com suas especificidades, seja percebido com mais clareza pelo mercado. E, sobretudo, colaboramos com o sistema formado por todas as demais escolas para que juntos possamos caminhar rumo ao crescimento sustentável da profissão como um todo. Quando se fala do Coaching, alude-se à atividade como um todo; por isso, é do desenvolvimento saudável desse sistema que todos nós, Coaches genuinamente a serviço da realização humana, devemos cuidar.

Assim, retornando à disciplina específica que escolhemos, o que se espera de um Coach Ontológico? Que viva, em todos os âmbitos da vida, como observador de si, aprendendo e transformando-se em cada passo de sua jornada para constituir-se como melhor oferta não só no espaço profissional, mas também naquele que ocupa no Mundo. Em outras palavras, que seja coerente com as bases da disciplina que escolheu para sustentar a sua prática.

E essa é uma condição que vem sendo elencada com mais ênfase pelas instituições formadoras ou credenciadoras dos distintos países. Quem está a serviço do desenvolvimento do outro não pode fazê-lo que não pelo lugar de ser humano que se renova e, olhando corajosamente para si, transforma-se também.

Portanto, refiro-me ao modelo das sete competências da Associação Argentina de Coaching Ontológico Profissional (AACOP) mencionado nesta coluna, na edição anterior, para abordar aquela que considero uma competência-chave para desenvolvimento de todas as outras: a Coerência Ontológica. Não por acaso, esta é a primeira competência e única do âmbito intrapessoal. Base da construção do profissional, transcende a técnica, a escola de formação, o tempo de experiência e estudo. É o espaço em que o Coach se compromete com sua própria transformação através da abertura a um contínuo processo de aprendizagem ontológica, reconhecendo e ampliando sua capacidade de observar-se em seu vir a ser.

Para ler este artigo completo...
Faça login ou conheça as vantagens de ser premium.
Faça seu login Veja as vantagens de ser Premium
Gostou deste artigo? Confira estes da mesma coluna:

Gestão Responsável dos Atos Linguísticos

No momento em que vivemos, traz algum conforto a lembrança dos postulados básicos do Coaching Ontológico, segundo os quais podemos, através da linguagem, modificar a realidade. Há muito o que fazer, mas por agora, ficamos com o conceito de que linguagem é ação. Há séculos, transcendemos a ideia da linguagem meramente descritiva, como consequência da realidade externa. Rafael... leia mais

11 minutos

Escutando os Compromissos do Coachee

Seguindo nosso caminho pelo modelo das sete competências da Associação Argentina de Coaching Ontológico Profissional (AACOP), chegamos à terceira competência: Escuta com abertura e a partir do compromisso do Coachee. Em sua definição, trata-se da capacidade e da disposição de acolher ao Coachee em sua individualidade para que, a partir do compromisso que surge de sua coerência pessoal,... leia mais

11 minutos

Criando espaços de confiança e aceitação

Desde que adentrei o universo do Coaching profissional, ainda na primeira formação, ouvi falar do cuidado do espaço de Coaching com atenção especial. Conseguia me conectar profundamente com um cliente, mas precisava de ambiente tranquilo e (no meu entendimento de então) com boas energias. Quando atendendo em uma empresa, chegava sempre mais cedo para “preparar” a sala a minha maneira,... leia mais

9 minutos

O que é Coaching Ontológico?

Definição e modelo de competências Em sete anos de formada, ainda não vi uma resposta a essa pergunta que me satisfizesse. Nem muitos coaches prontos para uma apresentação rápida ou “pitch elevator”, como os cursos de venda costumam definir o discurso que pode acontecer em poucos minutos em um elevador. Talvez porque o Coaching Ontológico (CO) seja tão grandioso em sua proposta de... leia mais

10 minutos

O domínio do “Algo Mais”: uma ampliação do modelo de Coaching Ontológico

Não poderia começar a escrever sobre um quarto domínio do Coaching Ontológico, a que fui apresentada recentemente e é objeto da coluna este mês; sem declarar a alegria que sinto ao inaugurar esse espaço que pretende trazer aos leitores um pouco das novidades e dos conceitos dessa disciplina. Segundo a Associação Brasileira de Coaching Ontológico Profissional (ABCOP), “O Coaching... leia mais

8 minutos
O melhor conteúdo sobre Coaching em língua Portuguesa
a um clique do seu cerébro
Seja Premium