revista-coaching-brasil-logo-1 icon-bloqueado icon-busca icon-edicoes icon-login arrow-down-sign-to-navigate

Edição #90 - Novembro 2020

Localize rapidamente o conteúdo desejado

Falemos sobre imunidade à mudanças

Foi no dia 15 de novembro de 2014 que o professor Robert Kegan conquistou a atenção de mais de 400 coaches reunidos na conferência global da ICF, no Rio de Janeiro. Entrou com seu notebook em mãos e, com voz tranquila e segura, conduziu uma palestra intercalada com atividades em dupla. Ao final, boa parte dos participantes havia identificado crenças, até então inconscientes, que fundamentavam alguma dificuldade de mudança de comportamento. Não apenas identificaram a crença, tiveram contato com um passo a passo para encontrar outras crenças em si e em seus clientes a qualquer momento, e, por fim, receberam uma explicação do que fazer a partir desta identificação.

Certamente não é pouca coisa, não é comum oferecer uma ferramenta tão poderosa a tanta gente e em tão pouco tempo. Não satisfeito, Kegan anunciou que havia um MOOC (massive open online course, curso gratuito online massivo) ensinando a técnica, no qual, além das aulas, havia acesso livre aos capítulos relevantes de seu livro Immunity to Change: How to Overcome It and Unlock the Potential in Yourself and Your Organization (Imunidade à Mudança. Libere Seu Potencial de Desenvolvimento e Faça Sua Equipe e Sua Empresa Crescerem, edição em português esgotada). O acesso aos capítulos relevantes do livro publicadas no MOOC ainda existe: 

https://courses.edx.org/c4x/HarvardX/GSE1x/asset/ImmunityToChange.pdf.

Professor de Harvard, o verbete a seu respeito na Wikipedia diz:

Robert Kegan (nascido em 24/08/1946) é um psicólogo do desenvolvimento norte-americano, autor e consultor. Foi catedrático em educação de adultos e desenvolvimento profissional na Harvard Graduate School of Education, onde lecionou por quarenta anos até sua aposentadoria em 2016. Além disso, atingiu o cargo mais alto em educação do Institute for Management and Leadership in Education e foi codiretor do Change Leadership Group. Ele é psicólogo e terapeuta praticante, tem feito palestras para públicos profissionais e leigos e é consultor na área de desenvolvimento profissional e desenvolvimento organizacional.

Para ler este artigo completo...
é necessário, pelo menos, criar seu conta gratuita.
Faça seu login Crie sua conta gratuita ou Veja as vantagens de ser Premium
Gostou deste artigo? Confira estes da mesma coluna:

Saúde na sua plenitude

O que é ter uma vida com saúde plena? Será apenas a ausência de sintomas e doenças? Talvez quando tivermos alcançado a tríade físico – mente – espírito de maneira equilibrada poderemos dizer que estamos vivendo a vida, não apenas sobrevivendo. A saúde na sua plenitude pode ser uma utopia. Essa busca é constante e não existe um fim na nossa jornada neste plano. O equilíbrio... leia mais

13 minutos

As diferenças culturais: entre belo sonho e pesadelo

França, Alemanha, Itália, Bulgária, Argentina, Holanda, Roménia, Brasil.  Foram as palavras que encerraram a reunião de criação da capa desta edição da revista. São os países de onde os autores do dossiê estavam a falar. A nossa reunião acaba e fico num estado de graça. O nosso grupo é o símbolo, a ilustração perfeita das diferenças culturais. Um exemplo de como... leia mais

13 minutos

Vamos falar em Segurança Psicológica nas Organizações?

Você já deve ter ouvido por aí sobre o conceito de segurança psicológica. Se ainda não ouviu, está na hora! A não ser que a sua organização não esteja precisando inovar, crescer em um contexto de incertezas constantes ou engajar colaboradores, então esse artigo não é pra você. Mas, se você quer saber como conectar as pessoas com o futuro, tomar decisões mais inteligentes... leia mais

10 minutos

Nossos traumas podem nos levar de volta a quem realmente somos

Trauma Talvez não soe como um assunto para a edição de feliz ano novo, por carregar um estigma de algo ruim, pesado, doloroso. Mas foi tão impactante aprender sobre esse assunto nos últimos tempos, que quero compartilhar o que venho descobrindo sobre trauma coletivo, individual e como isso pode impactar nossos processos de coaching e interação com todos os seres humanos, principalmente no... leia mais

13 minutos

Feliz Ano Novo? Não tenha esperanças

Como alguém que aprecia uma boa aventura, sempre que penso em Ano Novo, imagino uma viagem para um lugar inédito. Ao mesmo tempo em que meu íntimo é inundado pelo entusiasmo e excitação de logo colocar o pé na estrada, meu senso de responsabilidade me deixa alerta em relação a preparação, procedimentos de segurança e o planejamento. Em toda viagem, seja ela curta ou longa, precisamos... leia mais

11 minutos
O melhor conteúdo sobre Coaching em língua Portuguesa
a um clique do seu cerébro
Seja Premium