revista-coaching-brasil-logo-1 icon-bloqueado icon-busca icon-edicoes icon-login arrow-down-sign-to-navigate

Edição #89 - Outubro 2020

Localize rapidamente o conteúdo desejado

Morte: A única certeza da vida!

Não há margem de dúvidas, nem tem como suavizar esta realidade, e, apesar de usarmos palavras bonitas para atenuar a verdade, como descanso, partida ou viagem ao Paraíso, serei obrigada a ser franca e direta no texto de hoje para ajudá-los a se planejarem para algo que tenho certeza absoluta que acontecerá em nossas vidas: a morte.

Existem várias razões para que esta realidade traga um exercício de reflexão. Projetar a fé e buscar significados religiosos. Pensar no que vale a pena ser construído e usufruído ao longo da vida. Perseguir o legado que pretende deixar neste mundo. E ainda, planejar o suporte e sustento para aqueles que contam com sua ajuda financeira bem como arquitetar medidas eficazes para que a transferência de patrimônio entre as gerações ocorra da melhor forma possível.

O objetivo no texto de hoje é chamar atenção para esta última reflexão, que chamamos de Planejamento Patrimonial e Sucessório.

Existem algumas exceções de indivíduos que não precisam se dedicar a este tema. Por outro lado, a realização de um planejamento sucessório é importante para todos aqueles que estão formando família, possuem pais, filhos ou dependentes, estejam construindo ou ampliando o patrimônio e ainda compartilham comigo a previsão infalível de que um dia vamos morrer.

Normalmente, o interesse por este planejamento começa quando é chegada a idade mais avançada ou por um motivo de doença grave. Porém, considerando que a morte, apesar de certa, é imprevisível, não é recomendado deixar para amanhã, como diz o ditado, aquilo que podemos fazer hoje.

Para ler este artigo completo...
é necessário, pelo menos, criar seu conta gratuita.
Faça seu login Crie sua conta gratuita ou Veja as vantagens de ser Premium
Gostou deste artigo? Confira estes da mesma coluna:

O que é PIX e como funciona este novo sistema de pagamentos?

Olá, em continuidade a série de artigos sobre Finanças Pessoais, trago agora uma reflexão sobre mais um tema bastante atual. O sistema PIX assumiu uma notoriedade recente e precisa da nossa compreensão. Os bancos estão intensificando os comerciais na televisão com o objetivo de esclarecer, mas muitas vezes podem mais confundir que esclarecer. Muitos também devem estar recebendo... leia mais

9 minutos

O que é Gestão de Riscos ou Proteção Financeira?

Olá, em continuidade a série de artigos sobre Finanças Pessoais, trago agora uma reflexão sobre mais um tema atemporal, mas que alguns podem ter percebido a importância, justamente neste período da pandemia. Conforme já explicado anteriormente, uma das bases do Planejamento Financeiro é a construção de um Colchão de Segurança, ou seja, uma reserva financeira para as despesas que nos... leia mais

9 minutos

Não existe almoço grátis

É comum no mercado financeiro ou até em outras situações do cotidiano ouvir alguém mencionar a frase que dá título a este artigo: “não existe almoço grátis”. Esta frase foi popularizada depois que Milton Friedman, ganhador do prêmio Nobel de Economia, passou a usá-la como título de um livro em 1975. Algumas conotações podem dar sentido a esta expressão como, por exemplo, ter... leia mais

10 minutos

Como lidar com as dívidas pessoais?

Olá, em continuidade a série de artigos sobre Finanças Pessoais, trago agora uma reflexão sobre mais um tema atemporal, mas que para alguns pode ter se agravado neste momento de pandemia. Se você ainda não leu, recomendo a leitura dos artigos anteriores desta série. Temos abordado alguns assuntos que irão ajudar na reflexão sobre o que trataremos aqui e, com certeza, se... leia mais

11 minutos

Sua vida também precisa de uma gestão financeira

O temo gestão financeira é comum e de certa forma obrigatório dentro do mundo corporativo. Para uma empresa viver de forma saudável é preciso saber seus custos, impostos, receitas, dentre outros itens que devem ser estruturados e detalhados em relatórios de balanço patrimonial e demonstrativos de resultados. Assim como acontece com a pessoa jurídica, pessoas físicas e grupos familiares... leia mais

9 minutos
O melhor conteúdo sobre Coaching em língua Portuguesa
a um clique do seu cerébro
Seja Premium