revista-coaching-brasil-logo-1 icon-bloqueado icon-busca icon-edicoes icon-login arrow-down-sign-to-navigate

Edição #74 - Julho 2019

Localize rapidamente o conteúdo desejado

As Dinâmicas Humanas na Liderança e na Cultura Organizacional

O caminho que conduz cada indivíduo à sua essência é também o caminho que leva cada ser humano a encontrar-se com o seu propósito e com a essência que nos caracteriza como humanidade.

Desde 1995, quando André Leite Alckmin trouxe as dinâmicas humanas - DH para o Brasil, este conhecimento atingiu centenas de pessoas de maneira mais profunda e outras dezenas de milhares participaram de seminários de curta duração. Mesmo nestas condições, a experiência mostrou o enorme valor das DH para as relações interpessoais e seu impacto no exercício da liderança e na cultura organizacional.

Diversidade e polarização

Nestes tempos em que, por um lado, a globalização e o aumento da liberdade de expressão colocou a diversidade em seus múltiplos aspectos em lugar de destaque nas interações humanas, por outro lado assistimos a um fenômeno de polarização e intolerância jamais visto com tal abrangência e intensidade.

O espantoso avanço da tecnologia, que ampliou exponencialmente os meios e as possibilidades de comunicação, não foi acompanhado da necessária capacidade de entendimento entre as pessoas para compartilhar suas semelhanças e diferenças. Em seu instigante livro “Ami, o menino das estrelas”, Enrique Barrios afirma que "uma civilização cuja capacidade tecnológica é maior do que sua capacidade de amar está condenada à autodestruição.

Se pudermos levar a sério esta afirmação, é fundamental e urgentíssimo utilizarmos todos os meios que mostrem ser exatamente esta diversidade a oportunidade histórica de promover a riqueza de uma cultura de paz e prosperidade e de formar líderes que tenham a diversidade como valor.

Regenerando a teia relacional

Iniciativas como a psicologia positiva, investigação apreciativa (ver dossiê sobre Investigação Apreciativa na edição 68, de janeiro de 2019), comunicação não violenta, (ver dossiê sobre CNV na edição 61, de junho de 2018), solução positiva de conflitos, entre inúmeros recursos hoje disponíveis para regeneração da rede de relacionamentos, têm contribuído para conciliar diferenças. Disse um amigo diante do confronto entre diferentes posições políticas: "será que não podemos discordar fraternalmente?".

É neste cenário que constatamos o poder das DH. Quando saímos do foco nos comportamentos, facilmente passíveis de variações e julgamentos, para focar em como funcionamos ou qual é o nosso modo de processamento, vislumbramos a possibilidade de redirecionar nosso olhar para algo que é, como é a lei da gravidade e como são as leis da natureza em geral. Indo além disso, se aceitamos que cada ser humano “tem o dom de ser capaz e ser feliz”, como Almir Sater e Renato Teixeira retratam em sua inspirada canção “Tocando em Frente”, podemos ampliar o nosso olhar para as qualidades e talentos trazidos na "bagagem" genética de cada pessoa, tantas vezes sufocados pela intolerância, repressão e ignorância de consciências ainda em estado incipiente de desenvolvimento.

Para ler este artigo completo...
Faça login ou conheça as vantagens de ser premium.
Faça seu login Veja as vantagens de ser Premium
Gostou deste artigo? Confira estes da mesma coluna:

Os benefícios da Constelação Sistêmica na vida profissional

Medo de falar em público, dificuldade de tomar decisões, frustração, sentimento de incompetência ou inadequação, raiva, estagnação, dificuldade de assumir postos de comando e outros sofrimentos relacionados ao trabalho. Esses são sentimentos e situações relacionados à carreira que frequentemente levam à busca por ajuda profissional. Coaching e psicoterapia têm recursos amplamente... leia mais

12 minutos

Mudanças nas Empresas, seus conflitos e estratégias para superar

Trabalhei por muitos anos com projetos de tecnologia da informação e consequentemente com suas mudanças. Neste período presenciei os microcomputadores fazerem parte da vida organizacional, a substituição de memorandos em papel por emails, downsing, rightsizing, centralização de atividades, descentralização de atividades, reengenharia de processos, fusões e aquisições, redução de... leia mais

14 minutos

Marketing Consciente: Precisamos mudar nossa maneira de fazer marketing

De acordo com Philip Kotler, considerado o pai do Marketing: “Marketing é a ciência e a arte de explorar, criar e entregar valor para satisfazer as necessidades de um mercado-alvo com lucro. Identifica necessidades e desejos não realizados. Define, mede e quantifica o tamanho do mercado identificado e o potencial de lucro.” Com o avanço do capitalismo e da busca frenética por... leia mais

11 minutos

Transição: como pensamos, sentimos e agimos nesse momento?

Atenção senhoras e senhores, logo chegaremos ao mundo VUCA, um mundo mais subjetivo e menos concreto. As mudanças acontecerão em uma velocidade muito maior que nos dias de hoje, gerando incertezas e relações de interdependência, que criarão um ambiente complexo dando abertura a diferentes interpretações sobre um mesmo tema. Esse é o caminho que teremos que trilhar, em direção a algo... leia mais

8 minutos

Para vencer o jogo exterior, é preciso primeiro dominar o jogo interior

Na vida pessoal ou nos negócios todos nós queremos alcançar um resultado positivo em alguma área ou atividade, seja a melhoria no aprendizado de um novo idioma, o desempenho em uma partida esportiva, a mudança de algum aspecto no nosso trabalho ou no aumento das vendas da nossa empresa. Todos nós buscamos e somos movidos por performance! A palavra “performance” vem do verbo em inglês... leia mais

8 minutos
O melhor conteúdo sobre Coaching em língua Portuguesa
a um clique do seu cerébro
Seja Premium