revista-coaching-brasil-logo-1 icon-bloqueado icon-busca icon-edicoes icon-login arrow-down-sign-to-navigate

Edição #55 - Dezembro 2017

Localize rapidamente o conteúdo desejado

Descobrindo a Teoria U

Aplicação da Teoria U como base conceitual para o processo de coaching

Entrei em contato com a Teoria U em 2008, enquanto atuava como executiva no mundo corporativo. Na época, pesquisava sobre metodologias para gestão de mudanças, sobretudo relacionadas a questões sócio-culturais, para aplicar no macro-processo da qual era gestora. Lembro-me do dia em que li o livro “Como resolver problemas complexos” (Adam Kahane, fundador da Reos Partners). Não consegui parar até chegar à última página. Descobri uma forma sistematizada para lidar com questões complexas. Por meio de um diálogo franco e de uma escuta ativa, era viável buscar soluções possíveis. Nada de milagres ou soluções pré-formatadas, mas trabalhando de forma colaborativa, possibilitando que todos ampliem sua consciência e contribuam de forma igual.

Neste livro, Adam Kahane explica o processo do Laboratório de Mudanças (Change Lab), que é uma aplicação da Teoria U, ao mesmo tempo em que narra diversos casos práticos. Inicia contando como tudo começou, na África do Sul, quando facilitou o exercício Cenários de Monte Fleur, com a participação de um diverso grupo de sul africanos que trabalhavam pela transição do sistema de apartheid para a democracia. Encerra o livro narrando a aplicação do processo U na Guatemala, também na transição de uma ditadura militar de mais de 30 anos para o início de uma frágil democracia. A leitura é inspiradora!

A partir desta leitura, minha carreira profissional e pessoal se transformou. No final de 2008, fui aos Estados Unidos fazer o curso Change Lab. Em seguida, estruturei e promovi a realização de um Laboratório de Mudanças na empresa, no qual participaram 60 profissionais e resultaram 11 protótipos. No final de 2009, mudanças estavam encaminhadas no contexto da minha gerência. Mas o processo U vivenciado com o grupo, ainda reverberava em mim, e mudanças pessoais acabaram acontecendo!

Para ler este artigo completo...
Faça login ou conheça as vantagens de ser premium.
Faça seu login Veja as vantagens de ser Premium
Gostou deste artigo? Confira estes da mesma coluna:

O tempo é agora: dê o passo em direção à sua felicidade

O ano era 2015 e eu estava a pleno vapor me dividindo entre 3 atividades profissionais, uma nova graduação, além da jornada de mãe de 3 filhas e dona de casa solo. Me sentia energizada, num ritmo frenético que fazia sentir-me viva e super bem. A enxaqueca me pegava sempre, mas isso era herança genética, nada que uma alta dose de analgésicos não resolvesse. Havia também uma certa... leia mais

9 minutos

Diversidade cultural: o que nos torna verdadeiramente ricos

Neste mundo globalizado, ser diferente é o que nos torna únicos, mas também semelhantes. E quando falamos de diferenças estamos praticamente falando de diferenças culturais. Mas o que exatamente é cultura? E a que nos referimos com o termo "diversidade cultural"? Nós italianos, também, pelas mesmas razões, vivemos em um país extremamente heterogêneo: no Norte, no Centro e no Sul... leia mais

10 minutos

Liderança e Segurança Psicológica – uma jornada com final feliz!

Foi num domingo de manhã que acessei o LinkedIn e surgiu aquele post convidando à formação da primeira turma em Segurança Psicológica de Times. Mais um pouco e me convidou a clicar em “saiba mais”. Pois é, hoje estou aqui irremediavelmente apaixonada pelo tema, escrevendo para vocês. Quando me aproximei de fato do conceito, vi que tudo aquilo que sempre imaginei como liderança tinha... leia mais

12 minutos

Escuta, amor em prática!

“Quando eu falo de amor, não estou falando de uma reação sentimental  e fraca. Estou falando daquela força que todas as grandes religiões veem como supremo princípio unificador da vida. O amor, de alguma forma, é a chave que abre a porta que leva à última realidade. Essa crença hindu-muçulmana-cristã-judaico-budista é lindamente resumida em amemos- uns aos outros” Martin... leia mais

11 minutos

Aproveitar o poder do instinto e do eu espiritual no trabalho

(Work – Harness the power of instinct & human spirit at work) Este artigo está baseado na palestra proferida durante o Converge21 pelas coaches Flame Schoeder, MCC e Donna King, ACC. Uma reflexão Quando fui convidado por Cândida Semensato, presidente da ICF Brasil Chapter, para escrever um artigo para esta importante Revista Coaching Brasil, eu não fazia ideia de qual tema... leia mais

13 minutos
O melhor conteúdo sobre Coaching em língua Portuguesa
a um clique do seu cerébro
Seja Premium