revista-coaching-brasil-logo-1 icon-bloqueado icon-busca icon-edicoes icon-login arrow-down-sign-to-navigate

Edição #41 - Outubro 2016

Localize rapidamente o conteúdo desejado

O Valor do Dimensionamento

Introdução

No mundo da tecnologia, como na elaboração de projetos por exemplo, a palavra “dimensionamento” tem um sentido de determinar ou especificar medidas – largura, comprimento, altura, diâmetros e suas respectivas tolerâncias. Significa estudar, calcular e especificar características físicas de algo a ser construído ou fabricado, formas de execução, materiais a serem utilizados, tolerâncias permitidas e assim por diante.

Em função de minha graduação inicial na área tecnológica, passei a utilizar esta palavra Dimensionamento para significar o nosso preparo mais consistente – pessoal e/ou profissional - antes de iniciarmos uma determinada ação. Há uma visível diferença qualitativa na condução entre as pessoas que conscientemente se dimensionam e aquelas que não usam este potencial.

Em outras palavras, precisamos saber que para atingirmos uma meta ou obtermos um determinado resultado, dependerá em grande parte de como nos dimensionamos – (como vemos, sentimos e preparamos) para conduzirmos as ações correspondentes ao que queremos atingir.

O Dimensionamento pode ser definido como um conjunto de conhecimentos, atitudes e capacidade de ação que se interligam e interdependem entre si. Estes componentes criam o campo do Dimensionamento, o que representa a emergência de um potencial extra de energia que ficará disponível para utilização no processo ou ciclo a ser considerado. Proporciona um diferencial qualitativo a partir de bases mais firmes nas nossas ações, ou seja, podemos viver e atuar no mundo de forma mais potencializada e capacitada.

Dimensionamento significa fazer vir à tona, trazer à luz, ativar e disponibilizar um potencial interior que será uma base mais sólida durante o ciclo a ser vivido. Trata da forma, condições e disponibilidade energética para um determinado processo, as quais determinarão o andamento e o grau de sucesso que se poderá alcançar. Todo resultado dependerá dessas condições iniciais.

Para ler este artigo completo...
é necessário, pelo menos, criar seu conta gratuita.
Faça seu login Crie sua conta gratuita ou Veja as vantagens de ser Premium
Gostou deste artigo? Confira estes da mesma coluna:

Integralmente Melhor

Se você é assinante, me encontrou nesta coluna nas últimas cinco edições. Se não for e “caiu” nesta seção por acaso, saiba que nos artigos anteriores, propus olhar para o título “Eu cada vez melhor” como um convite ao autodesenvolvimento das diversas dimensões humanas. Escolhi partir da definição de inteligência espiritual de Cindy Wiglesworth (capacidade de se comportar com... leia mais

6 minutos

​ Para ser cada vez melhor, antes de partir

Nas últimas quatro edições dessa coluna venho refletindo sobre como desenvolver as diversas dimensões humanas para ser cada vez melhor. Divaguei sobre o desenvolvimento da dimensão física, da cognitiva e da emocional para nesta edição refletir sobre a dimensão espiritual, como ser cada vez melhor espiritualmente? Espiritual vem do latim “spiritus” que significa respiração ou... leia mais

7 minutos

Desenvolva-se de corpo inteiro

O título dessa coluna “Eu cada vez melhor” é um convite para refletir sobre autodesenvolvimento. Existem vários caminhos possíveis para fazer esse tipo de reflexão e escolhi convidar você, leitor, para seguir comigo numa trilha que use a imagem da pirâmide de inteligências múltiplas (Física, Cognitiva, Emocional e Espiritual) proposta por Cindy Wigglesworth no livro SQ21 The... leia mais

7 minutos

O caminho sem volta do autodesenvolvimento

Quase tudo que faço está voltado para desenvolvimento e autodesenvolvimento, então escrever sobre o tema “Eu cada vez melhor” parece-me absolutamente em sincronia comigo. Percebi sincronicidade também no momento em que me chamaram para escrever aqui. No mesmo dia do convite, havia trocado mensagens com uma colega querida sobre a intenção de criar um programa para promover as reflexões... leia mais

7 minutos

Seis Graus de Liberdade – 6: (Des)apegado

“Todos os modelos estão errados. Alguns são úteis.” George E. P. Box Olá, Viajante do Tempo! Está sentindo o frescor no ambiente? E o som gostoso da chuva, abafando o canto dos pássaros, que se escondem no limoeiro à nossa frente? Se você tivesse chegado aqui um pouco antes, teria visto um lindo arco-íris entre nós e a Pedra Grande de Atibaia. Ah, o bolo... leia mais

6 minutos
O melhor conteúdo sobre Coaching em língua Portuguesa
a um clique do seu cerébro
Seja Premium