revista-coaching-brasil-logo-1 icon-bloqueado icon-busca icon-edicoes icon-login arrow-down-sign-to-navigate

Edição #109 - Junho 2022

Localize rapidamente o conteúdo desejado

O potencial transformador do Coaching aplicado à educação executiva

Cada vez mais observamos executivos bastante pressionados, buscando resultado para suas operações que competem com novos modelos de negócio, com novas demandas de ESG e inovação, precisando desenvolver competências relacionadas à indústria 4.0, tomar decisões num mundo VUCA/BANI e liderar pessoas de diversas gerações no mesmo ambiente de trabalho. Portanto, profissionais expostos a muitos estímulos que competem com uma rotina de trabalho geralmente bastante carregada e também com as responsabilidades advindas de sua vida familiar.

Num dado momento de sua carreira, justamente buscando maior competência para poder lidar com seus desafios, lapidar sua liderança ou ainda se preparar para uma mudança de carreira, acabam por buscar um curso de alto nível, com grande exigência, que precisa “caber” nesse contexto de vida.

Nesse momento buscam as escolas de negócio, onde dentre diversas alternativas de educação executiva encontram o MBA, curso que ainda mais os estimulará, mas em campos distintos do seu dia a dia, de sua prática profissional, ampliando seu olhar sobre as possibilidades que o mercado de trabalho oferece, aumentando a complexidade de temas que precisam considerar para tomar decisões, inclusive relacionadas às suas próprias carreiras.

Em cursos de MBA, como por exemplo, da Fundação Dom Cabral, que tem por um de seus objetivos desenvolver líderes capazes de mobilizar transformações em seu contexto, gerando valor e crescimento sustentável para suas organizações e para a sociedade, a partir de relações pautadas por confiança e ética, compreende-se que o desenvolvimento das competências de liderança também podem ocorrer oferecendo -se não apenas a oportunidade de ampliação de conhecimento, mas também de autoconhecimento atrelado às suas experiências profissionais, possibilitando uma conexão entre a teoria e a prática vivenciada.

E nesse contexto de apropriação do conceito a partir de suas vivências, não apenas a Fundação Dom Cabral, mas também outras grandes escolas de negócio foram percebendo, de forma mais pragmática que, quando se une à educação um processo reflexivo, acaba-se por potencializar mudanças, pois se reserva um momento nesse contexto de sobrecarga de estímulos e demandas para que esses executivos possam pensar em si mesmos, em suas experiências e criarem conexões entre vida real e conceitual.

Para ler este artigo completo...
Faça login ou conheça as vantagens de ser premium.
Faça seu login Veja as vantagens de ser Premium
Gostou deste artigo? Confira estes da mesma coluna:

O tempo é agora: dê o passo em direção à sua felicidade

O ano era 2015 e eu estava a pleno vapor me dividindo entre 3 atividades profissionais, uma nova graduação, além da jornada de mãe de 3 filhas e dona de casa solo. Me sentia energizada, num ritmo frenético que fazia sentir-me viva e super bem. A enxaqueca me pegava sempre, mas isso era herança genética, nada que uma alta dose de analgésicos não resolvesse. Havia também uma certa... leia mais

9 minutos

Diversidade cultural: o que nos torna verdadeiramente ricos

Neste mundo globalizado, ser diferente é o que nos torna únicos, mas também semelhantes. E quando falamos de diferenças estamos praticamente falando de diferenças culturais. Mas o que exatamente é cultura? E a que nos referimos com o termo "diversidade cultural"? Nós italianos, também, pelas mesmas razões, vivemos em um país extremamente heterogêneo: no Norte, no Centro e no Sul... leia mais

10 minutos

Liderança e Segurança Psicológica – uma jornada com final feliz!

Foi num domingo de manhã que acessei o LinkedIn e surgiu aquele post convidando à formação da primeira turma em Segurança Psicológica de Times. Mais um pouco e me convidou a clicar em “saiba mais”. Pois é, hoje estou aqui irremediavelmente apaixonada pelo tema, escrevendo para vocês. Quando me aproximei de fato do conceito, vi que tudo aquilo que sempre imaginei como liderança tinha... leia mais

12 minutos

Escuta, amor em prática!

“Quando eu falo de amor, não estou falando de uma reação sentimental  e fraca. Estou falando daquela força que todas as grandes religiões veem como supremo princípio unificador da vida. O amor, de alguma forma, é a chave que abre a porta que leva à última realidade. Essa crença hindu-muçulmana-cristã-judaico-budista é lindamente resumida em amemos- uns aos outros” Martin... leia mais

11 minutos

Aproveitar o poder do instinto e do eu espiritual no trabalho

(Work – Harness the power of instinct & human spirit at work) Este artigo está baseado na palestra proferida durante o Converge21 pelas coaches Flame Schoeder, MCC e Donna King, ACC. Uma reflexão Quando fui convidado por Cândida Semensato, presidente da ICF Brasil Chapter, para escrever um artigo para esta importante Revista Coaching Brasil, eu não fazia ideia de qual tema... leia mais

13 minutos
O melhor conteúdo sobre Coaching em língua Portuguesa
a um clique do seu cerébro
Seja Premium