revista-coaching-brasil-logo-1 icon-bloqueado icon-busca icon-edicoes icon-login arrow-down-sign-to-navigate

Blog

Localize rapidamente o conteúdo desejado

O poder do diálogo

Luciano Santos Lannes Por Luciano Santos Lannes em 17/10/2018

O simples fato de falar hoje em dia vem se tornado cada vez mais difícil. Há sempre discussão e alguém quer vencer. O diálogo é importante para que as pessoas que estão participando possam trocar ideias, opiniões, reflexões, e não, necessariamente, chegar a um consenso, apenas enxergar outros pontos de vista.

Nunca foi tão necessário falar sobre diálogo e discordância de opiniões. É completamente plausível ter visões diferentes e entender que existem vários lados. A democracia está fortemente ligada ao diálogo por se tratar de liberdade de expressão, sem julgamento e sem certo ou errado, apenas duas visões diferentes debatendo para que o outro possa de certa forma entender (podendo ou não concordar) o outro lado ou pelo menos saber o porquê ele existe.

Aprendemos em casa a não discutir sobre política, religião e futebol, temas que envolvem crenças e convicções. Aprendemos que ao tocarmos nestes assuntos, precisamos convencer o outro de que ele está errado e nós certos.

Marshall Rosemberg, sistematizados da CNV (Comunicação Não Violenta), costuma dizer que “longe do certo e do errado existe um lugar, nos encontramos lá”. Este lugar, é onde nos desapegamos de nossas certezas para abrir espaço para uma ideia diferente. Ouvir o outro, procurar compreender o lugar de onde vem esta fala, quais dores a motivam, que sonhos a sustentam é fundamental para compreender o porque o outro pensa assim. Compreender não implica em concordar, mas compreender pode permitir abrir um espaço de diálogo onde o ponto de partida seja o que temos em comum, e não em que diferimos. Se investíssemos mais tempo para elencar nossos sonhos comuns ao invés do caminhos para neles chegar, poderíamos encontrar inúmeras formas de sonhar juntos, colocando egos de lado, libertando-se de posições radicais.

O radicalismo é uma reação violenta a alguém ou algo que não compreendemos e não conseguimos decifrar, conversar e compor.

Quando não compreendemos algo colocamos em uma caixa junto com coisas similares também não compreendidas e rotulamos. Rótulos não descrevem idéias, apenas fazem generalizações. O exercício do diálogo com maturidade implica a disposição em ouvir com inteireza, por completo. Deixar o outro explicar coisas que até para ele não estão claras. Ele permite que o pensamento individual se torne coletivo, podendo inserir pessoas, situações que não faziam parte por algum motivo, seja por não ter visto outro ponto de vista ou não ter compreendido seu lado.

Mas, como não aprendemos a dialogar, continuamos a rotular, a ofender aquele que é diferente. Somos todos assim? Não, estamos distribuídos em vários níveis de maturidade pessoal, social e política. Por política, entenda-se a arte de viver em sociedade (polis). Também foi comum vermos nas conversas nas mídias sociais pessoas dizendo: “mudei de opinião”, depois de se abrirem ao argumento do outro. Não se trata de um convencendo o outro, um ganhando do outro, mas pessoas trocando e compondo, abrindo mão de alguns pontos, abraçando outros, e todos com uma sensação boa de que avançaram.

Vamos dialogar?

Veja mais:

Aqueles nove anos poderiam ter sido seis meses

Muitos já conhecem um pouco de minha história. Trabalhei em uma grande multinacional alemã por 20 anos, antes de sair para montar meu próprio negócio na área de desenvolvimento humano. Aos olhos da família e amigos um exemplo de sucesso e conquistas. Aos olhos de meus pais, em particular, ambos funcionários públicos, a certeza de uma vida segura, estável e feliz. Aos vinte e um anos,... leia mais

Janeiro 2020
12 minutos

UMA REVISTA FEITA PARA QUEM TEM TEMPO PARA LER

Se você estranhou o título deste post, e já acha que não é para você pois não tem tempo, calma que no final da leitura tudo vai ficar claro.   Nós, da Revista Coaching Brasil, somos produtores de conteúdo em uma época onde o que não falta na internet e nas livrarias é… conteúdo. Este fenômeno do excesso de conteúdo tem causado uma série de... leia mais

Outubro 2019
5 minutos

O QUE FAZ UM COACH, CONSCIENTE?

Uma pergunta interessante em tempos em que o Coaching é tão falado, comentado e com a imagem tão abalada. Trazemos a figura do “consciente”, que ao longo do texto você compreenderá a origem, para diferenciá-lo do “picareta”. Para que você possa ter mais elementos nesta análise, liberei três edições na íntegra para leitura. A edição 8 de janeiro de 2014 com a chamada... leia mais

Setembro 2019
10 minutos

QUEM PRECISA DE COACHING?

Antes de pensarmos em “quem precisa de Coaching”, é interessante lembrarmos os conceitos de Coaching. Para Timothy Gallwey: “Coaching é uma relação de parceria que revela/ liberta o potencial das pessoas de forma a maximizar o desempenho delas. É ajudá-las a aprender ao invés de ensinar algo a elas …” Na edição número 1 da Revista Coaching Brasil, cuja matéria de... leia mais

Julho 2019
2 minutos

QUANTO TEMPO DURA UM PROCESSO DE COACHING?

Extrato do artigo de Danilo Prado na edição 3 da Revista Coaching Brasil. Assinantes tem acesso completo a este e a todos os outros artigos. Tenha uma excelente leitura. ………Normalmente os coaches trabalham com 10 encontros, com duração de 60 a 90 minutos cada. Podemos até prorrogar com mais 1 ou 2 encontros, caso seja necessário. O intervalo ideal entre os... leia mais

Julho 2019
4 minutos
O melhor conteúdo sobre Coaching em língua Portuguesa
a um clique do seu cerébro
Seja Premium